27 de dez de 2010

Balançando 2010

E então, estamos na última semana do mês. De repente, 2010 com todo seu peso, suas dores, suas impossibilidades  começa o lento arrastar-se da despedida. Penso no que esse ano representou. No rótulo que terá quando olhá-lo de longe. Durante muito tempo quis acreditar que tinha sido um ano dificil. Hoje, já não sei mais. Apenas mais um ano, onde colhi frutos daquilo que plantei ao longo de toda uma trajetória.  Por que no fundo é só isso. Somos o que fomos nos esculpindo ao longo da nossa caminhada. Nada de destinos, designios mistícos, maldições ou bençãos.

Mas, é inevitável avaliar o ano num contexto mais amplo que meu umbigo e 2010 representa bem a finalização de uma década, tragédias, descobertas científicas importantes, a vida encerrando um ciclo. Estou pronta para um novo começo? Consegui me transformar o suficiente para dar o próximo passo? Respostas que só virão no decorrer de 2011.

Sei que 2010 me fez enxergar uma míriade de cores diferentes, e olha que um bom tempo, só enxergava gris. Percebi que ser farol e rochedo batido pelas ondas também é uma questão de escolha e as vezes é bom se permitir garrafas ao mar. E eu, tão afeita a solidões intransponíveis, me permiti abraços e sorrisos.

No meio de 2010 cheguei a conclusão de que tudo que queria era sobreviver a 2010 e bem, cumpri essa meta, quanto a 2011, vamos deixar ele acontecer para pensar no que quero dele ou o que ele quer de mim...             

14 comentários:

Lola disse...

Nossa amiga...eita 2010 difícil! Pra mim foi o ano do conflito! Não passei 15 dias seguidos em 2010 sem uma briga feia no meu relacionamento! E isso foi ruim demais! Portanto, quero que 2010 se fo...! E que 2011 venha com coisas boas, porque mais ruim, impossível ficar! rs
Bjs

Bel disse...

Ai ai... onde tem a linha pra assinar embaixo?

Tirando a parte das "solidões intransponíveis"... essa sou eu. Mas tô tão sem coragem pra nada que acho que 2010 se vai sem despedidas.

Beijo, flor!

Afrodite disse...

Patrícia,
Eu quero ver 2010 pelas costas!
Foi um ano péssimo em todos os sentidos!
Que venha 2011!!!
Beijo!

Giuliana: disse...

Paty,

Acho que de uma maneira singular 2010 foi um tanto complicado para cada um, em vários aspectos dependendo da necessidade de cada pessoa.

Não sou muito de fazer balanço no fim do ano, simplesmente agradeço a tudo o que aconteceu, mesmo sendo de certa forma negativo, aprendi, cresci, lutei, chorei, sorri... e assim encerra-se um ciclo.

Mas te garanto que a todo iniciar de um novo ciclo começo com muita esperança e boas expectativas. =]

E que 2011 seja muito melhor para todos nós!

Beijos

Fernanda Reali disse...

Eu adorei a tua companhia em 2010 e espero tê-la muitas vezes em 2011. Adorei! Obrigada!

Dona Amélia disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Luci Cardinelli disse...

Parei aqui e li um montão de posts. Afinal nos conhecemos nessa fase doida e que eu fiquei afastada dos blogs. Gostei demais do que li e em cada um eu pensava tanta coisa que nem sabia o que escrever.
2010 me trouxe você, que foi uma coisa boa :) Não vejo a hora de nos conhecermos e eu lhe entregar seu presente do sorteio. Vamos marcar?

Que seu 2011 venha com muitas alegrias e realizações.

beijos

Jana disse...

Querida, te desejo um 2011 repleto de alegria, paz, prosperidade...

Um bjo

Andreia Lica disse...

Acho que 2010 não foi facil, mas tento ver ele pelo lado positivio, cresci como pessoa, aprendi muito e conheci pessoas novas. Acho que por tudo isso valeu a pena..,.e que 2011 venha e traga saude e paz, pq o resto a gente corre atras.

Bjão

Matheus Farizatto disse...

Paty, por sabermos um pouco de como foi o ano um do outro, sei que 2011 nos trará um chão completamente limpo, branco e renovado. Que até vamos estranhar no começo, mas que ainda no primeiro momento deste novo ano vamos descobrir que é o resultado de todos os conflitos que solucionamos na sala de 2010.

Sala que será fechada, ficando para trás.


Um beijo e um ano realmente novo para nós!

Beatriz - Jubiart disse...

Oi Patricia!

Vim através dos elogios da nossa amiga Elaine Gaspareto, amo escrever, mas com certeza não tão bem quanto vc, excelentes textos!
Não mexo com pano, mexo com sementes, é muito bom trabalhar e criar com as mãos vou lá dar uma olhada nos "Bichos de Pano".

Beijos e um lindo 2011 p/ Você.

Maraguary disse...

Ai, ai... Como posso dizer? CONCORDO COM TUDO aí escrito acho que explica bem!!! Tem que ver a "cabala" desse ano de 2010 que sei lá entende? 2012 e o fim do mundo previsto pra ele vai ser fichinha perto desse danado! Que venha 2011 e que traga limpeza de alma, de coração, de vida!!! Bjks!

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

ah... o bom é que o ano acaba. e com ele a gente enterra o que não foi bom no ano que passou. quem não nos serve mais, que fique em 2010, as más situações, que se repitam menos em 2011.

vai com fé na renovação do ano novo, entra com tudo em 2011. sem planos, sem cobranças de nada, apenas sente dentro de vc que vai ser um ano melhor. sente com força, apegada nisso, entre o ano. e a coisa melhora sim, a mudança parte da gente, é de dentro pra fora.

vamos que vamos, moça dos talentos múltiplos! sou seu fã, em 2011 conto com sua amizade novamente.
bjs e muito obrigado por tudo neste ano

Neli Rodrigues disse...

Fico mto pensativa em fim de ano, fazendo um balanço.
2010 foi um ano que fechou um ciclo, infelizmente de coisas não mto boas. Minha mãe se foi e isso me marcou demais, mais do que eu imaginava...e eu achava que tava praparada prá isso, ledo engano.
Minha querida amiga secreta, me desculpe a falha, mas eu ainda não tinha me tornado sua seguidora, desculpe, foi essa correria dos últimos dias. Tenho usado sua máscara, ainda mais que estou numa fase de insônia, então ela "me força" a ficar quietinha na cama e tentar chamar o sono.
Espero que vc tenha um 2011 com mtas realizações, saúde e sucesso.
Bjs♥