29 de nov de 2012

Possibilidades

Ela despe blusas e calças. Sapatos e maquilagens. Acessórios, penteados... Máscaras de tristezas e alegrias. Desnuda-se frente ao espelho grande. Descobre rugas e trilhas de cabelos brancos. Saudades escondidas no fundo dos olhos. Ausências de beijos, braços, carinhos sobre as fronhas. Silêncio no espelho e no quarto. Não há mais tempo, ela pensa. E despede-se também das lembranças. Cartas, livros, promessas desfeitas, amores impróprios...Pela janela, redemoinhando no vento, fragmentos do seu passado. 

No espelho grande ainda existem rugas e caminhos brancos. Mas os olhos não trazem mais saudades, e sim,  o brilho acolhedor das possibilidades.

3 comentários:

cafe disse...

Que texto profundo e lindo.Fui tocada.

António Jesus Batalha disse...

Estou a visitar alguns blogs, e tive o privilégio de encontrar o seu, vi na pagina inicial o que escreveu,e achei uma certa graça porque há poucos dias falei precisamente sobre isto as possibilidades da vida,é nisso que cada ser deve meditar, e não nas tristezas passadas nos desgostos sofridos, a vida nos reserva sempre uma ou mais possibilidades de rumo na nossa vida, as escolhas, as opções bem feitas, trazem-nos rumos mais confortantes, como gostei folheei mais algumas páginas e fiquei maravilhado pelo que vi e li.
Dou-lhe os parabéns, mas queria deixar um apelo continue assim dando sempre o melhor, boas mensagens, bons temas. Gosto de escrever, mas também gosto de ler bons temas, por isso é que parei aqui.
Meu nome é: António Batalha.
Sou um servo de Deus,e deixo aqui a minha bênção,que haja paz,amor na sua vida, muita saúde e felicidade.
PS. Se desejar seguir meu blog faça-o de forma a que eu possa seguir o seu blog também.

Andrea Guim disse...

Oi, Patricia!
Vim convidar pro SORTEIO DE NATAL do AndreaGuimBlog.
Será sorteado um kit com várias prendas fofas!
Bora lá participar!!!
Beijins,
Andrea