1 de set de 2012

Que venha Setembro e as Boas Novas!

Foto:Ladybug wallpaper


É inevitável. Setembro chega e com ele, espectativas do possível. Não sei se são as flores ou as cores que explodem obedecendo a um ritual anual, ou se é apenas a certeza de que, em setembro as boas novas chegam, como na canção.

O que sei é que quando setembro começa, meu coração aquieta a sua eterna angústia, todo o impossível se desanuvia perante meus olhos e passo a crer em milagres.

Não, os problemas não desaparecem em setembro, mas se transformam, ou transforma-se em mim a forma de encará-los.

A dor diminui em Setembro e mesmo a minha visitante, sempre a espreita, aguardando o momento certo para o bote, exigindo janelas e portas fechadas, desaparece neste mês.

É época de janelas, portas e corações abertos. É tempo de risos, de tardes arejadas à base de conversas e planos de futuro.

Eu, que há muito, deixei de sonhar, pego-me desejando o horizonte. Ansiando por nuvens e girassóis. E querendo mais que nunca, o doce recomeçar que surge em mim. Sim, eu acredito na Primavera!

Um comentário:

DILERMArtins disse...

Mas bah, guria, tenho pra mim que é o pólem no ar...