13 de jan de 2011

Sobre Abismos e Quedas

O que não se sabe sobre abismos é que no meio da queda, ele desacelera, e por algum tempo, você tem quase a certeza de que chegou ao fim e se prepara para o impulso de subida. Até perceber que na verdade a queda continua e o chão ainda é uma etapa distante...
________________________X______________________________
Hoje também estou lá pelo Big Vicio BBB falando, advinha de quê?

8 comentários:

Giuliana: disse...

Há momentos em que a queda parece sem fim, e o chão tão distante. Mas quando chegamos ao menos visualizamos o chão, tudo começa a ficar mais calmo e podemos respirar mais tranquilos, e até mesmo o céu começa a brilhar novamente.

Beijos

Alexandre Mauj Imamura Gonzalez disse...

quer saber? então caia com força, pra pegar força na subida, caia logo pra subir novamente. e suba com força, pra valer! sei que é fácil falar mas suba com a ânsia de quem escala uma montanha.
e vamos que vamos!

Nei kS disse...

Ah metaforas!
Toda a vida - e queda - por te-las!

Cintia Branco disse...

Patrícia,

Olha, se estou a beira do abismo, me atiro, na verdade, até gosto desse momento de me lançar a dor, vou de cabeça, até me estatelar, é o momento onde me permito tudo. Depois, é claro, volto a subir, nem sempre mais forte, mas pelo menos pronta para outra. Espero que você esteja bem.
Beijos

Casa de Catarina - lelê disse...

Tô indo lá AGORA!

Kelly disse...

Se tenho que cair, caio com classe rsrs beijos

Afrodite disse...

Tb tenho hábito de me atirar de abismos...quase sempre descubro que melhor teria sido apreciar a paisagem apenas...
Beijo!

Arte em E.V.A By Dani Barboza- disse...

Seu blog é ótimo!!!Adorei..