7 de fev de 2011

Irritando Patricia Daltro

As semelhanças e diferenças entre homens e animais são a reação de ambos quando irritados. Os seres humanos normalmente avançam e os animais mordem. Ou o contrário. Mas, não importa. Ando numa fase terrível, quase protagonista do programa da GNT. Não que eu seja uma pessoa facilmente irritável. Sou quase uma monja budista, relax total, mais quer saber, ultimamente, tem sido terrível. Primeiro, porque estou de dieta e sou a favor de confinar pessoas que façam dietas. Tenho certeza de que a terceira guerra mundial irá acontecer quando um dos governantes estiver sem consumir açúcar há uma semana: - Eu já falei, ou me dá um pedaço da torta ou explodo um míssel em vocês!

Segundo, porque o dinheiro resolveu terminar comigo. É impressionante, uso a filosofia do segredo e mentalizo: eu amo o dinheiro, eu tenho muito dinheiro... Mas não adianta, as notinhas se recusam a entrar na minha carteira! 

Terceiro, por que estou a 4 meses de completar quarenta. Como quarenta?! Eu até ontem estava em crise por que fiz trinta anos!?

Como podem ver, motivos não faltam para estar irritada, e soma-se isso a uma quantidade insuportável de pessoas que, eu tenho certeza, nasceram para me irritar. Devo ser o Karma delas, só pode! 

Quer ver? Detesto pessoas que falam alisando. Normalmente, disfarço e chego um pouco para trás. Outro dia, teve uma que, eu chegava para trás, ela chegava junto. Daí tinha uma parede e fiquei presa, lá pelas tantas, tive que interromper a conversa e perguntar se iria rolar beijo na boca, porque me alisando daquele jeito, eu já estava ficando apaixonada.

E tem aquelas que falam gozando, sabe aquela coisa de: - Ahhhh, vocêimmm nãumm podiammm fazerrr isso pra mimmm. E tem a segunda opção, tão odiosa quanto, dos que falam mijando: - vocêixxx nauxxx podia fazerrrr ixxxo pra mimmm? Pois é, e eu só tenho esbarrado com pessoas que falam assim. Tive que resolver um problema e tinha uma atendente adepta da primeira opção. Juro, tive que me conter para não mandar tirar o vibrador dentre as pernas, só isso para justificar a maneira dela falar.

E tem os miguxos. Engraçado, eles não me irritam tanto, só acho que tinham que vir com legenda. Principalmente quando escrevem. 

Finalizando meus fatores irritantes atuais, de 0 a dez, a nota máxima vai para os “incompletadores” de frase. Os que terminam tudo com etc, como assim etc? O que significa etc? Eu estava andando pela rua e etc... ora, eu posso deduzir qualquer coisa de uma frase assim: desde encontrei a mulher da minha vida até fui abduzido por um OVNI.

E a variante de etc, que é o ó. Alias, o ser humano que termina a frase com ó, normalmente começa com tipo assim. Você está lá na maior atenção e a pessoa manda: - tipo assim ó

Na verdade, eu estou errada, não posso me irritar com uma pessoa que fale: tipo assim ó. Esse ser é um iluminado. Capaz de resumir todo um inicio, meio e fim em apenas três palavras, se é que ó possa ser considerada uma palavra.  

E, é claro o “incompletador” mor a pessoa que responde tudo iniciando com então. – Você foi na padaria? – Então, eu fui. Ou – Você fez exame de próstata? – Então, eu fiz. Qual o problema do sim? A nova reforma ortográfica matou ele junto com o trema? Cadê os outros advérbios e conjunções? Morreram também, só pode.

Então, tipo assim ó, eu não sei como terminar esse texto e etc.

10 comentários:

Clau Finotti disse...

E aquele: "tem como você, tipo, tirar seu carro da frente da garagem?" O tipo é irritante e desnecessário!

Mas quem perde é quem se irrita, porque eles estão, tipo, nem aí... hahaha...

Bjos, adoro seus textos!

Clau

Cintia Branco disse...

Patrícia,

Estamos no mesmo inferno astral, também estou irritadíssima, de tal forma que nem eu me suporto, para amenizar só remédio controlado, rs.
Adorei o texto, vim aqui procurar um outro para citar lá no blog mas me deliciei com esse, me senti contemplada.
Beijos

Rita Vieira disse...

kkkkkkkkkkkkkkk

ADORO seus textos!

Realmente tipo assim ó... é triste! E o pior: a minha irmã tem esse vício! #mesalva!

E o então pra iniciar uma resposta tira meu marido do sério! kkkkk

Eu acho que são coisas chatas, mas também são contagiantes... outro dia me peguei respondendo pro meu marido: então... rsrsrs... quase apanho! kkkkkk


Beijo, Paty!

Maraguary disse...

KKKKKKKKKKKKK!!! Tu é muito doida, muié!!! "Tipo assim", eu venho aqui e me acabo de rir e etc!!!! Entaummm...Preocupammm naummmm q fazer 40 não é bicho de sete cabeças (mas eu mesma nem queria comemorar... tava mais pra receber pêsames... MUAH!), no dia seguinte, percebi que nem tava assim tããoooo diferente, sabe? E pra melhorar, tomei vergonha na cara e emagreci aqueles 4 kg extras e estou mega feliz agora q entrei na "segunda" idade (minha avó veio com essa!! AFFF...). Faça isso: encontre algo bem legal pra fazer por vc logo no dia seguinte aos temidoxxxxx 40, e isso vai te renovar os ânimoxxxxx! Eu garanto!!! KKKKKKK!!!! Bjks!!!

Lin Sousa disse...

olá, então , tipo assim... desestressa .. brincadeirinha..!!preciso me policiar pq vez em quando eu uso um então , entao.. mas o q posso te dizer é q depois q vc entra nos enta, não sai mais .. então relaxa , 40 é a idade da loba... dizem .. eu entrei nos 50 ano passado , ia me deprimir mas depois pensei: e adianta? bjks LIN

Lola disse...

Menina! Vc esqueceu do tipo que começa a contar uma história...daí ele passa imediatamente a falar do tempo...e esquece do final da história inicial! Cacete! rsrsrsrs

Bjs

Lola disse...

Pati, que estranho...teus posts não estão sendo atualizados no meu blog roll. POr que será?

Bjs

Vanessa M. disse...

Fico irritadíssima com quem conversa pegando, alisando. Odeio de verdade. E, se continuar mesmo com todas as minhas investidas em esquivar... eu falo MERMO.

Giuliana: disse...

Paty,

Adoro como escreve! =]

Tem aqueles que finalizam qualquer frase, ou protótipo de frase com o né? Agora, quando ficam no Então né, vai dando uma vontade de ranger os dentes..haha

Beijos

Matheus Farizatto disse...

Falar gozando – MATA LOGO!